Eleve o Cosmo que há no seu Coração!

Últimos assuntos
» Missoes Sonolentas
Ter Nov 29, 2016 6:31 am por Kusoku

» Retorno Do Leão!
Qui Set 29, 2016 9:34 am por Asgardian de Leão

» Votos de Inhem
Sab Ago 22, 2015 4:42 pm por Tenzen de Andrômeda

» Reino de Athena
Qui Fev 05, 2015 2:29 pm por Helena de Dragão

» Ficha de Helena de Dragão
Qui Fev 05, 2015 1:17 pm por Helena de Dragão

» Volte,Saint Seiya Legends!!!!!
Qua Maio 07, 2014 6:43 pm por Kusoku(Sonon)

» [Apresentação de Noriaki]
Dom Mar 30, 2014 9:13 pm por Noriaki

» Aya Aqui..................
Qui Mar 27, 2014 12:22 pm por Ushiromiya Aya

» [Sobre o fórum] Perguntas.
Dom Mar 23, 2014 7:45 pm por Takeru de Libra

Vote no Top 30
Top30 Brasil - Vote neste site!
Ranking Top30 Brasil
Os membros mais ativos da semana

Parceiros
HpTheGame

Top dos mais postadores
'Kyon de Escorpião (248)
 
Jeff de Aquário (180)
 
Takeru de Libra (140)
 
Shogun (102)
 
Tenzen de Andrômeda (86)
 
Fudou de Órion (64)
 
Hitsugaya de Câncer (55)
 
Hyoudou Issei (28)
 
Bee de Touro (26)
 
Kenshiro De Griffon (24)
 


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Fan fics Next Adventure

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 Fan fics Next Adventure em Dom Dez 29, 2013 11:01 am

A Cidade dos Demonios Part:1

Oi ola eu sou Yagami Inoue, sou uma jovem estudante de 16 anos, eu estudo no colégio Midnight, um colegio novo que fica uma cidade simpática, bem o que mais eu posso falar de mim, bem só que sou perdidamente apaixonada por um garoto Majime Lawliet, um garoto de cabelos pretos e olhos azuis que veio de intercâmbio, de qual país não se sabe, porem sempre que tento falar com ele, ele foge de mim, bem mais é força do habito dele que me deixa apaixonada, bem sobre minha aparencia meus cabelos laranja com meus olhos azuis me deixam linda não acham, apesar que a unica pessoa que dizer que quer namorar comigo é meu amigo, o mais pervertido garoto da escola Drake, ele me tira do sério com suas ações pervertidas, bem como ele me olhando com um binoculo da arvore que da de frente pra janela do meu quarto:
- Sai dai Drake!!!!
Como num passe de magica, um garoto de cabelo castanho e olhos castanho cai da arvore, onde estava o mesmo tenta fugir desesperadamente pela rua, correndo tão rapido que parecia campeão de fórmula 1, bem podia se ver que o garoto era esperto, ele não tinha medo de se aventurar em uma situação como essa.
A menina desce a escada de sua casa, calmamente sem preocupação se dirige a mesa para tomar café, porem a casa vaia trazia um sentimento de tristeza a menina, que suspirava...
Bem já eram 6:30 faltava pouco tempo para o colégio, seria a hora preferida dela, a hora de ver Lawliet, o garoto de que tanto gosta, no jornal em cima da mesa, na capa havia estampado que era o sétimo desaparecimento de pessoas nos ultimos 15 dias, porem quando o perigo não é com você ou alguém perto de você, simplesmente se ignora é a lei da vida, Inoue apenas se levanta depois de tomar seu café, vai até a sala e pega sua mochila da mesma cor de seu cabelo e sai de casa, rumo ao colégio, fazia um dia lindo de sol, uma temperatura agradavel com uma leve brisa refrescante, o caminho até a escola não era longo, porem enquanto caminha, Inoue percebe que uma pessoa estava lhe seguindo nas sombras, não dava nem para ver sua estatura, porem ela podia ouvir seus paços, ela se mandou correndo rumo ao colégio, deixando a sombra para trás, até que no caminho sem querer esbarra em Drake.
- Me desculpe!
- Bem não foi nada, está indo para a escola?
- Sim estou sim
Drake se levanta do chão, se erguendo em frente a bela Inoue para ele, ele estava feliz pois essa isso ser uma oportunidade de luxo, seus pensamentos pervertidos começam a subir lhe a cabeça quando ele pergunta:
- Bem...(sentia-se constrangido com o que ia perguntar), gostaria de ir ao colégio comigo...
A menina apenas da um sorriso e o agarra pela mão e sai correndo rumo a escola, o garoto era arrastado pelo a mesma, caindo se levantando, trupicando até que da de cara com um poste em cheio...
- Inoue vamos caminhando, não temos pressa e eu não quero morrer, ta parecendo que fui atropelado por uns 20 caminhões.
Inoue da um sorriso e logo fala sensualizando a voz:
- Bem como você quiser!
Drake tem sangue saindo de seu nariz e desmaia no local, parecia que ele tinha ido para o paraiso, era o sonho dele se tornando realidade.
( Isso é tudo que eu sempre quis, aquela voz, o que será depois, eu amo aqueles peitos, eu quero abraça-los, agarra-los quero eles só pra mim, será essa minha chance, com certeza é o paraiso, essa é minha chance)
Como num piscar de olhos ele se levanta e pula rumo aos peitos de Inoue, porem um guarda aparece na frente na mesma hora, ele acabo por abraçar o guarda e apertar os mamilos do guarda:
- Seu guarda não é o que você ta pensando....
Drake se manda correndo, pela rua, deixando Inoue rindo e um guarda furioso correndo atrás do menino.
- Seu moleque volte aqui, vou te ensinar a me respeitar.
Inoue vendo Drake se mandar correndo e ser perseguido, apenas segue seu trajeto rumo a escola, até que chega perto de uma construção cheia de vigas de ferro, que como num passe magica se entortam e voam tudo para cima dela, a construção inclina-se pra frente e desaba em direção ao local onde se encontrava, porem rapidamente as vigas se tornam gelo puro e se quebram, porém novamente uma sombra surge em direção a Inoue, a sombra mantinha-se ocupada, mas podia ver se uma espada com a laminha torta em sua mão, era esse o encontro indesejavel de Inoue, seria esse seu fim, será ele a mesma pessoa dos desaparecimentos, seria essa pessoa a sombra que tinha lhe seguido, quem seria essa pessoa?
Será esse o fim de Inoue?Será? E Ainda mais quem é essa sombra?

Recadinho:

Pessoal gostaram da história então por favor criem suas fichas, bem anuncio especial quem criar ficha essa semana pode criar sua magia ou poderes, desde que seja bem detalhado viu.

Ver perfil do usuário

2 Re: Fan fics Next Adventure em Seg Dez 30, 2013 11:16 am

Muito boa a Fic, continua assim




"Escute... Neste mundo, sempre que houver uma luz, haverá também sombras. Enquanto o conceito de vencedores existir, também deve haver perdedores. O desejo egoísta de querer manter a paz provoca guerras e o ódio nasce para proteger o amor."
Ver perfil do usuário

3 Re: Fan fics Next Adventure em Ter Dez 31, 2013 12:22 pm

jp123

avatar
Cavaleiro em Treinamento
Cavaleiro em Treinamento
Prabeins modafoca  :) (Fica calmo eu nasci com probrema mermo)

Ver perfil do usuário

4 Re: Fan fics Next Adventure em Qui Jan 02, 2014 2:17 pm


A Cidade dos Demonios Part:2


A sombra continuava parada, porem Inoue sabia que havia algo muito esquisito no ar, aquelas vigas não se congelariam daquele jeito, a menina saiu correndo de lá, porem a sombra a perseguia a onde ela fosse, era uma caçada, ela não tinha para onde fugir, os fios do poste de luz se soltaram e tentaram atacar a menina, quando um jovem menino como um relâmpago, empunhando uma espada de lamina e bainha grossa de forma negra, corta os cabos de luz, porém ao ver a cena Inoue reconheceu na hora o Menino, seu nome Mejime lawliet, o garoto por qual é apaixonada acabava de salvar sua vida, porem o que ele fazia ali e o que ele fazia com aquela espada:
- Você esta bem?
Pergunta Lawliet pela primeira vez falando com Inoue, pela primeira vez a jovem escutava aquela voz, uma voz calma, que soava como poesia em seus ouvidos, mesmo ela não entendo nada, ela estava feliz, por ter se salvado da morte graças a pessoa que ela amava.
- Estou sim.
Responde Inoue, com um ar duvidoso a respeito do que aconteceste, pois nada tinha entendido, seria esse apenas um presságio, e o mais importante o que aconteceria daqui pra frente, ela nada entendia.
- Ainda bem que você esta bem Inoue.
Inoue entra em choque, ela não acreditava que o garoto sabia seu nome, era algo inacreditavel,ele apesar de nunca ter falado com ela, e fazer ela acreditar que ele nem sabia quem ela era, ele parecia saber quem era ela.
- Mas devo lhe pedir um favor, não sei por que demonios estão atrás de você, mas devo lhe prdir pra que não conte pra ninguem o que houve aqui hoje, entende?
-``Demonios´´? Fala a garota em panico comas palavras do garoto
- Sim demonios, monstros que nascem de nós e vagam por esse mundo, eles são criaturas terriveis e assustadoramente poderosas, seus níveis de poderes são assustadores.
A Menina estava sem palavras, aquilo só podia ser uma piada, mas se não fosse o que ela faria, afinal o que se passava ali, não era nada lógico, um sonho quem sabe, não podia ser, um sonho impossível, não existe sonhos tão vivos assim, aquilo seria mesmo verdade, e esses tais demonios só retratados na Bíblia, estão mesmo a trás dela, então o que ela poderia fazer, lagrimas corriam de seu rosto e seus familiares e amigos tambem devem estar em apuros, mas o que ela podia fazer.
- Não se preocupe Inoue, eu estou aqui para protege-la, nada de mal lhe vai acontecer, eu prometo, eu juro pela minha honra, pelo meu nome, mas peço que guarde segredo, pois se não coisas terriveis, podem acontecer com seus amigos e familiares.
As palavras do Garoto de certa forma acalmaram ela, o garoto em um gesto de amizade lhe estende a mão pra ajudar lhe a levantar, a jovem coloca sua mão, na mão do garoto que a ajuda lhe a levantar:
- Se você vai me proteger e se assim é melhor, não tem problema eu guardar um segredinho.
Responde Inoue com um sorriso, sendo respondida por outro sorriso, agora de Lawliet, os dois voltam a caminhar em direção ao colégio, quando uma terceira voz se pronuncia:
- Esse é seu fim Mejime Lawliet, Yagami Inoue, este é o fim de vocês dois.
Um Nevoeiro toma conta do local, um corpo de uma menina esquartejada se via no chão, lawliet rapidamente ergue sua espada em punho.
- O Que é isso? Quem seria capaz de tal monstruosidade?
O Cheiro se sangue tomava o loca, quando os membros do corpo da menina na rua, começavam a se juntar, uma cena assustadora de se ver, era como se os membros do seu corpo tivessem vida própria, os membros se conectavam ao corpo, que as poucos começava a se levantar, quando inoue num choque reconheceu o corpo da vitima.
- É uma das pessoas desaparecidas.
- Inoue peço que fique sempre junte de mim, a fim de não se perder nesse nevoeiro, afinal não conheço essa magia.
- Magia ?
- Sim, magia Inoue, pode vir demônio.
Então aquilo era um demonio, era algo assustador de se olhar, o sangue começava a se juntar a neblima, quando o corpo se ergue por completo e aponta um dedo para os dois;
- Thunder line.
Os dedos da menina começam a apresentar pequenas faiscas que são disparadas em uma forma de linha praticamente invisivel a olho nu, desaparecendo, com mira travada no coração dos dois, as Lawliet rapidamente coloca a lamina sua espada bem aonde a linha estava mirada, bloqueando o ataque com a lamina da espada.
- Impossivel???
Fala o demonio não acreditando que ele não usou nem sequer uma técnica, apenas parou com sua espada, não isso não podia estar acontecendo, mas ele não estava disposto a desistir;
- Dessa vez vocês dois irão sumir de qualquer jeito, sumam de uma vez da face da terra, Unidade magnética.
Os Fios de luz começam a se mover, e ir em direção de lawliet e Inoue, quando lawliet percebe que as mãos do demonio tambem estavam se movendo, ela apenas balança sua espada e num único ataque corta todos os fios de luz.
- É só disso que você é capaz? Pergunta Lawliet Rindo.
- Maldito, vou lhe fazer virar pó!
Inoue não acredita no que estava vendo, isso não pida ser real, desafiava totalmente a lógica e realidade proposta nesse mundo, o que era isso, um sono talvez, um belo sonho, para lavar alma as pessoas.
- Lawliet, defenda dessa vez do meu ataque, Sinfonia dos corações sofridos que morrem, Sinfony of Death Lament
Um som acolhedor se dissipa pelo ar, entrando dentro da cabeça e coração de Inoue, uma poderosa onda sonora, que aos poucos começa a entrar na cabeça de Lawliet, quando os dois começam a ter forte dor e memórias e pensamentos aletrados, uma caveira na cor verde surge na mente dois dois, uma enorme dor começa a se propagar pelos seus corpos, quando Lawliet ergue sua espada e a balança.
- Balance of Darkness World.
Uma enorme energia escura surge no campo de batalha, a energia se espalhar rapidamente todo o chão começa a se quebrar com a força daquela energia, que começa a transformar o dia em noite, a energia começa a sair da lamina da espada, lawlient com um simples movimento de balanço, rasga o nevoeiro e destroi as ondas sonoras da Sinfony of Death Lament, a energia sobrando então é arremessada contra o demonio, que como num piscar de olhos cai no chão.
Lawliet se vira de costa e começa a caminhar, quando percebe que uma enorme onda de magnetismo começa a tomar conta do local, ele se vira e vê o monstro de pé com o corpo todo estraçalhado, olhando para ele e Inoue, o demonio começava a apresentar uma cara de sadico, o nevoeiro começava a se tornar intenso junto com uma enorme onda magnetica, finalmente as coisas estavam começando a esquentar, o rosto totalmente danificado do demonio, começa a sorrir um sorriso maléfico, as coisas estavam a esquentar, Lawliet com sua espada em punho, fica vendo os reais poderes daquele demonio, algo assustador era o que se podia concluir, porém o mesmo solta uma leve risada.
- Esta na hora de acabar com isso!
Grita Lawliet que com sua espada em punho, parte para cima do demonio, ignorando seu poder magnetico, ele projeta sua espada rumo ao ataque, o auge da luta começou.

A Batalha entre Lawliet e o demonio ainda com nome desconhecido, finalmente irá chegar em seu auge, quem ganhará?      

Ver perfil do usuário

5 Re: Fan fics Next Adventure em Qui Jan 02, 2014 5:39 pm

Mt bom, nada para dizer, apenas que continue...




"Escute... Neste mundo, sempre que houver uma luz, haverá também sombras. Enquanto o conceito de vencedores existir, também deve haver perdedores. O desejo egoísta de querer manter a paz provoca guerras e o ódio nasce para proteger o amor."
Ver perfil do usuário

6 Re: Fan fics Next Adventure em Dom Jan 26, 2014 9:03 pm


A Cidade Dos Demônios Part:3


O poder dos dois estava no auge, a garota olhava o mesmo, ela com seu poder demoniaco faz com que barras de metais sai das grades de proteção dos bueiros e ir contra Lawliet que com sua espada as corta em pequenos pedaços, a garota, mostrava seu sorriso maléfico, a figura de um demônio era sua bela descrição:
- Desista, Garota você com certeza vai perder.
A mesma apenas riu do garoto e com ar assustador, ela apenas abriu a boca e falou:
- Sinfony of Death Lament!
Quando Inoue percebe Lawliet estava morto diante de seus olhos, ela tinha sangue em suas mãos e uma faca em punho, a cabeça solta de Lawliet, mostrava puro sinal de degolação,  a morte estava ali presente.
- O Que foi que eu fiz!
Gritava Inoue em Pânico, ela não lembrava de nada que tinha acontecido, ela realmente tinha matado Lawliet, no entanto uma voz grita na cabeça de Inoue.
- Balance of Darkness World
E toda a cena se reconfigurou com um Lawliet com uma espada em punho e a garota gospindo sangue da boca, ela havia sido cortado no minimo umas 8 vezes, a cena era forte, mas a ilusão e a duvida de Inoue tinham sumido, a verdade era que ela tinha caido na técnica do monstro e graças a Lawliet tinha escapado, o medo ja não mais existia.
- Obrigado Lawliet.
- Não me agradeça ainda, nosso inimigo ainda esta de pé.
A garota ainda sorri e com dois dedos dispara novamente o Thunder Line, mas Lawliet apenas movendo a espada repele o golpe.
- Magia imunda como essa sua demônio, nunca vai nem me arranhar, nem me machucar, bem já cansei desta brincadeira idiota, você mesmo sendo um demônio, não viu, o que vi, não sentiu, o que eu senti!
Um sentimento de Raiva havia tomado Lawliet, o mesmo balançou sua espada e apenas sorriu, olhou para Inoue e segurou em sua mão, ela estava calma, a mão que ele nunca se quer entendeu a ela, ali estava um sentimento nobre, no entanto Inoue não conhecia aquele Lawliet ali, não era o Lawliet a qual tinha se apaixonado.
- Suma de uma vez Lawliet.
O Demônio levantou um carro e jogou em Lawliet que com sua espada o cortou ao meio e o carro não o atingiu.
- Já cansei de você, isso é o seu fim, posso não saber muitas técnicas e só conhecer duas, no entanto pra vencer um verme, não será mais nada preciso além disso.
Uma enorme energia negra contorna a espada e corpo de Lawliet,  uma energia assustadora, era algo imensamente forte, ele ergue sua espada.
- Esse é seu fim, a técnica que corta tudo, minha mais forte técnica, Dark Slash é o que chamo de Perfeição, e você não é nada perante ela, Dark Slash!
Uma enorme energia dispersa na forma de uma lâmina de espada na cor negra é disparada contra a garota, a técnica sai cortando o próprio ar e se aproxima da jovem!
- Maldito!
Grita ela tentando mover algum metal, a fim de parar o ataque, mas tudo acaba sendo em vão a técnica acaba por corta-la ao meio, e a energia negra da técnica queima o que sobrou de seu corpo até transformar em nada, a batalha estava vencida, a primeira de muitas que virão tinha acabado, era um alivio para Inoue.
- Bem, por ordem de minha organização Inoue eu devo lhe proteger!
- Hã? O que você quer dizer com organização e me proteger?
- Bem todos nós demon hunter, pertencemos a organização e de alguma forma, não sei em si o motivo, o lider da nossa organização, me deu ordens para protege-la.  
Os dois ficaram se olhando durante certo tempo, de longe alguém assistia, quando o nevoeiro começou a sumir, podia se ver a rua, no entanto ja era de noite e a escola ja tinha terminado.
Os dois se levantam, enquanto Inoue percebendo o horario se dirige para a casa, Lawliet some rapidamente num piscar de olhos, o vulto ali no local tinha sumido.
Novas lutas e desafios virão para esses dois, novos rumos estavam os esperando, segredos, mistérios, terror e aventura etão para vir, essa com certeza é uma cidade dos demônios.

Ver perfil do usuário

7 Re: Fan fics Next Adventure em Dom Jan 26, 2014 9:05 pm

Cidade dos Demônios Part:4

Eu me encontrava dormindo, quando ouço uma voz a me chamar em meus sonhos, eu me via num nevoeiro como o do meu dia vivido, a voz me chamava bem levezinha em seu sotaque aberto:
- Venha cá Inoue, não tenha medo.
A voz era a única coisa que me guiava naquele imenso e denso nevoeiro, com a nevoa tão branca como as nuvens, eu caminhava até perceber que não mais a voz ouvia, apenas um barulho estranho como um ronco de um motor, era alguém roncando no meu quarto, como num susto acordo rapidamente e olho ao meu lado em cima dum colchão, era Lawliet dormindo, ele havia dado algum jeito de entrar no meu quarto com um colchão e o colocado no chão e dormido.
- Acorde e saia logo do meu quarto!!!
Gritava eu na esperança de acorda-lo, vendo que não tinha surtido efeito, olho ao meu redor e vejo um velho na escrivaninha do meu quarto o pego e o toco em Lawliet...Que com a pancada acaba por acordar , com dor na cabeça, também pudeste, eu tinha tocado livro com toda minha força em direção a sua cabeça.
- Por qual motivo me acordas desse jeito?
- Pelo Motivo de você ter invadido o meu quarto e ter tomado conta dele.
- Eu já não tinha dito que fui encarregado de tomar conta de você e também protegê-la.
- Quem lhe deu essa autorização?
- A minha organização.
- Bem que seja se vai dormir aqui não deve fazer barulho.
- Eu que faço barulho e você gritando essa hora da noite, vê se vai dormir, amanhã teremos um dia cheio, não podemos nos permitir perder uma boa noite de sono, precisas dormir, amanhã eis de provavelmente um novo perigo enfrentar ou nos preparar para o mesmo.
- Mas...
Inoue é interrompida por Lawliet, que como num tom de superioridade e sabedoria fala:
- Sem mais e vai dormir mocinha.
- Vamos ver se não faço você mudar de ideia.
Inoue pula em Lawliet e o ataca com um ataque de cosquinhas, fazendo o garoto cair nas risadas, eram apenas jovens, mas para o que estava por vir eram apenas crianças, não tinham ideia que momentos como esses podiam estar destinado talvez a se tornar raros, bem que eles faziam aproveitando, isso tinha nome sim era o que o se chama de juventude.

Do outro lado uma misteriosa figura olha os dois em sua mão uma espada de lamina curta em forma de lua crescente, sua lamina branca podia até mesmo refletir o seu reflexo, mas que era ocultado pela noite e um poderoso ar gelado ao seu redor, com certeza era uma figura sinistra, uma pessoa sinistra e tanta.
- Bem parece que eles estão se dando bem.
Dizia a figura que ao falar soltava um ar extremamente gelado de sua boca, parecia que tinha engolido gelo puro, era com certeza como se tudo pudesse dizer da forma simples era esta figura um agente do gelo na área da química, uma pessoa misteriosa que preferia se ocultar por enquanto.
Mal a figura ficava ali prestando atenção, quando que por um momento a mesma perde-se nas nuvens de seus pensamentos e quando olhas novamente só vê os dois dormindo, já era tarde e hora de se retirar e assim fez a figura ou melhor o vulto.
O sol já ia nascer, se levantava de forma esplendorosa, mas na casa dos Yagami já era quase que uma normalidade acordar para fim de ver o sol nascer, podia se ver lá em sua janela Inoue olhando o sol em seu belo nascimento e do seu lado um outro garoto acordado, já era de manhã e eles deviam ir a escola, Lawliet via uma Inoue já arrumada pra o colégio, ele se levantava e ia em direção ao banheiro se arrumar, algo normal que o tempo do dia-a-dia lhe proporcionava, depois de se arrumar, esperava Inoue terminar de ver o sol, logo depois a chamava para irem a escola:
- Vamos, não podemos nos atrasar para a escola.
- Já vou, só espera um minuto.
A garota ficava ali olhando o que muitos humanos chamariam de beleza planetária, para ela algo bem mais simples, apenas um momento magico e bonito.
- É lindo não?
Pergunta Lawliet praticamente quebrando gelo sem importância no momento.
- É sim
- Sabe algumas vezes pessoas que em eu, não tem o tempo necessário para ver e assistir isso, porém se olham uma única vez tem por sonhos poder ver isso de novo e muitas vezes só veem depois de morto.
- Que triste isso.
- É.
Dizia Lawliet num ar calmo e também meio deprimente ele apenas se virava para Inoue, em seus pensamentos incompreensíveis.
- Vamos Inoue, assim vamos nos atrasar.
- Vamos, sim.
Logo os dois saíram de casa, indo em direção ao colégio, a cidade tinha um ar da noite, misteriosa em todos os lugares, era um caminho sombrio que os aguardava até a escola.


.



Ver perfil do usuário

8 Re: Fan fics Next Adventure em Dom Jan 26, 2014 9:07 pm

Cidade dos Demônios Part:5

Dois jovens vinham caminhando pela rua da cidade, eram Inoue e Lawliet, indo em direção ao colégio, nenhum dos dois conversava com o outro, eram quietos, o ar de noite incomodava Lawliet, que sabia que coisa boa não era, aquilo era um sinal ruim, o problema é que ele não podia averiguar tenho que proteger Inoue, os ares duvidosos eram calmos e serenos, pois o mesmo se mantinha calma apesar disso.
Era um caminho normal até a escola, apenas mais um dia calmo, tinha de ser, porem seus passos são seguidos por uma pessoa de longe, até que um novo nevoeiro aparece cobrindo o local e esta pessoa se aproxima, um jovem garoto de cabelos vermelhos espetados para cima, com olhos azuis, ele tinha consigo uma katana, aquilo não cheirava bem e nem podia ser bom.
- Que tal eu cortar você até o ultimo pedaço, você e essa linda jovem.
- Que tal eu calar sua boca e lhe mostrar como é que se luta de verdade.
O garoto cai nas risadas com as palavras de Lawliet ele parecia ter certeza que conseguiria vence-lo, era como na visão ele Lawliet não fosse nada.
- Que tal você me mostrar então. Diz o Garoto ao mesmo tempo que lambe a lamina de sua espada.
- Bem, você já esta morto também não, eu quero fazer umas perguntas por que não, vamos ver quem ganha.
Lawliet balança a mão e logo uma energia escura aparece sobre sua mão se sobressaindo na forma de uma espada, a espada sagrada de Lawliet já estava se materializando, e em segundos já estava completa, os dois com as espadas em punho desferem ataques verticais um no outro, a velocidade dos dois como vista por Inoue era incrível era como se eles fossem relâmpagos, a batalha entre Lawliet e o garoto não dava em nada, um acabava por bloquear o ataque do outro, era apenas uma luta de espada com fortes mais golpes, mais sem nenhum avanço, o garoto percebendo isso recua um pouco e com sua voz grita:
- Katana Flash
O mesmo aumenta sua velocidade e dispara um ataque de espada mirando o coração de Lawliet, porém lawliet ainda consegue por instante uma evasiva ele pega sua espada e ataca o garoto na direção das costelas, porem o garoto rapidamente evasiva e ataca Lawliet no mesmo instante com ataque no braço, ao qual Lawliet evasiva quase completamente com sucesso, ele acaba sendo atingido com um corte no ombro.
- É inútil meu Katana Flash, aumenta minha velocidade em duas vezes a atual a cada cinco minutos, porem ele permite ainda que eu lute nesses cinco minutos com aquela velocidade no momento que eu estava até aumentar, eu sou invencível.
- Quem se é tão convencível não consegue nada, eu lhe aprovarei que você caíra agora, pode vir com tudo que sabe eu não perderei.
- Então que sua ultima vontade seja feita! Katana Flash!
- Pode ter certeza que não será minha ultima vontade.
O Garoto de cabelos vermelhos aumenta sua velocidade e posiciona sua Katana para o golpe final, Lawliet rapidamente saca sua espada e também se proporciona para o ultimo ataque, quando o garoto se move, Lawliet aumenta a um nível absurdo a energia de sua espada, fazendo Inoue entrar em choque ao ver que ele tinha quantidade de poder impressionante, o garoto mesmo vendo isso convencido de sua velocidade o ataca, Lawliet fecha os olhos e quando abre o ataca, o ataque de Lawliet acerta a lamina da espada do garoto e a quebra como se não fosse nada.
- Como?
- Não é você que tem esse poder e sim sua espada tava no nome da técnica eu vi isso e usei o poder de uma espada sagrada para acabar com a lamina dela, bem esse também é o seu fim, mais antes minha pergunta quem está por trás disso e o que deseja?
- Não direi nada sobre isso, você vai morrer pode ter certeza.
- Isso é o que veremos, por que se você quer mesmo saber eu já estou preparado para acabar com quem está por trás disso.
Lawliet pega sua espada e acerta o correção do jovem, uma energia escura como naquele dia, cobre o corpo do mesmo fazendo, o corpo do garoto desaparecer.
- Vamos Inoue, diferente daquele dia, ainda dá tempo de ir até o colégio.
- Sim vamos.
Os dois partem em direção do colégio quando o nevoeiro com a morte do garoto novamente some, os dois vão caminhando até que chegam a entrada do colégio, eles tinham chegado ao seu objetivo, ao verem que já estava na hora, os dois começam a subir a escadas correndo, Lawliet então percebe que estava com a espada, por sorte todo mundo já tinha subido para as aulas, então eles como num passe simples de magica faz sua espada sumir, ao chegaram na sala de aula, os dois olham o relógio e percebem que chegaram faltando menos de um minuto, mais estavam salvos, graças a deus, os dois caíram nas gargalhadas, ninguém entendia nada, achavam que os dois estavam loucos, a amizade entre os dois começava a aparecer, era algo que se fosse concretizada pareceria ser tão forte que dificilmente se romperia, a amizade e sua magia mostrava sua cara, os dois são surpreendidos quando que atrás da porta chega o professor.
- O que estão fazendo de pé sentem.
- Sim senhor!
- Sim Senhor!
Os dois rapidamente se sentam e pela primeira vez um senta na classe ao lado do outro, o que Inoue antes achava impossível agora já não era mais, mais o amor que ela tinha por Lawliet estava mais se tornando mesmo amizade, ao invés de amor, mais com passos calmos é que se muda o mundo, e por hoje o dia já tinha se tornado cheio, melhor mesmo descansar e assistir a aula do professor!





Ver perfil do usuário

9 Re: Fan fics Next Adventure em Dom Jan 26, 2014 9:10 pm

Escola e Seus Diretores

Eu estava assistindo a aula na escola, quando passos são ouvidos por mim no corredor, logo alguém chama meu professor na porta e pede a ele para que autorize minha vinda a diretoria a fim de ter uma conversa, ele acenando com a cabeça, permite que eu vá, eu vou seguindo um homem já de idade com cabelos brancos longos, que me leva até a sala, ao abrir a porta me dou de cara com um homem com óculos, um homem simples, cabelo curto preto com olhos azuis, é assim que se definia o diretor da escola, que estava na minha frente;
- Bem vinda Inoue, tomasse o café da manhã em casa?
- Sim meu pai.
Há, esqueci de contar, ele além de diretor é o meu pai, não de sangue, mais sim adotivo, ele parece que me aceitou depois que meus pais me deixaram para ele me cuidar e eles sumiram, assim ele se tornou meu pai e como ele não tem filhos ou esposa, ele se tornou minha única família, ao mesmo tempo que também sou única família na vida dele.
- Deve estar confusa com esse negocio?
- É.
Então Inoue lembra que seu pai como todas as pessoas normais não deveria saber sobre os Demons Slayers.
- Pera e como você sabe disso pai.
- É uma longa história
Responde o diretor com um ar de tensão, aquele ambiente estava tenso, disso se podia ter certeza, o local estava devidamente tenso com tudo aquilo.
- Bem você deve querer saber Inoue, então acho melhor te mostrar para que você possa ver com seus próprios olhos.
De suas costas surgem duas asas, uma branca e uma preta, ele não era um humano normal, o rosto de Inoue era de espanto total com a situação, seu pai tinha asas, o que se passava ali, o que era seu pai.
- Meu deus, você é um demônio?
- Não sou meio anjo, por isso a minha asa branca e minha outra asa preta por eu ser um anjo renegado.
- Anjo renegado?
- Anjos caídos, anjos que agiram contra o sistema, eu fiquei com uma asa branca por que o processo de transformação em anjo caído foi interrompido por uma outra pessoa então eu que não queria fugir, achava justo fui levado a força e sai de lá.
- Então por que não me contaste isso antes.
- Tive medo que você me odiasse por isso, há coisas que outros odiariam saber e essa é uma dessas, eu errei muito em vida e por isso eu me tornei apenas uma sombra, eu me aposentei dos meus tempos de lutas, então me tornei diretor dessa escola, essa mesma escola também treina Demon Hunter e Demon Slayer, é uma ocupação legal se você foi levar em conta.
- Pai, por que não me contaste antes, eu jamais ficaria de mal com você, se você escondeu teve os seus motivos, bem se é isso vou me retirar.
- Inoue!!!!
Diz o pai dela que começa a chorar e pula de sua mesa em direção a abraça-la, no entanto Inoue se vira e ia indo embora, quando ele percebe ele vai em direção ao chão, ele cai um tombo feio, batendo de cabeça no chão.
- Pai você esta bem?
- Sim Inoue.
Dizia seu pai que ainda continuava chorando muito, na porta aparece Lawliet, escorado na porta esperando Inoue sair.
- E você diretor chorando desse jeito.
Dizia Lawliet com nariz empinado, bancando o gostosão ali na cena.
- Lawliet, então você estava ouvindo a conversa, seu malcriado vou te ensinar a ter boas lições.
Inoue arremanga as mangas, e fecha os punhos, e os prepara para disparar um soco contra Lawliet.
- Bem a hisóra não é bem assim, eu só cheguei agora, Inoue, Socoooorrrrooooo!
Antes que ele conseguisse fugir, ele é acertado com um soco na cara que o arremessa longe, logo depois inoue o pega pela parte de trás da gola da camiseta e o começa a levar ele de arrasto, até a sala de aula, mas no caminho até lá, Lawliet sente que o ar ficou mais gelado e que o corredor estava congelando, algo estranho podia se notar, ao entrarem na sala de aula ele percebe que o professor não estava e todos os alunos estavam congelados, tirando ele, Inoue e mais um aluno, algo de estranho estava acontecendo, aquilo não era normal, não era mesmo e ele não podia levar aquela situação adiante, ele precisa fazer alguma coisa, mas o que? Ele se perguntava mais não sabia o que fazer, ele pega inoue pelo braço vendo que a mesma estava chocada de ver seus colegas e amigos congelados, era uma cena horrível.
- Me deixe aqui Lawliet eu não vou sair.
- Tá bom, você que pediu.
Lawliet agarra Inoue e a levanta colocando a sobre seu ombro direito e põe sua mão esquerda sobre sua boca, e a começa a levar ela para eles saírem daquele lugar, mas Inoue morde a mão de Lawliet e grita desesperadamente:
- Socooorrrrooo!, Aluem me ajuda estou sendo sequestrada.
- Não é pra tanto.
Respondia Lawliet chocado com o quanto mulheres são escandalosas, quando um homem que estava escondido começa a surgir, Inoue fica feliz, no entanto sua felicidade é atrapalhada quando percebe que o homem trazia consigo uma espada com a lamina pequena em forma de lua crescente, o homem se aproximava até que ele se escora na parede, seus cabelos branco acinzentado podiam ser notado, sua altura era maior que a de Inoue e Lawliet isso significava que era mais velho, seus olhos laranjas então podiam ser visto, olhos laranjas alo totalmente incomum:
- Quanto tempo Lawliet e olá Inoue.
Lawliet rapidamente desse Inoue e põe o braço na frente para ele não ir em direção a ele e sim para ela fugir.
- Vamos fuja Inoue.
- Dessa eu vou ficar Lawliet
- Então que assim seja.
Lawliet faz sua espada surgir e aponta sua lamina para o outro jovem.
- Preparado?
- Sim, já estou pronto Lawliet, Liberar.
A espada em forma de lua crescente começa a mudar sua estrutura para uma espada de lamina
feita de gelo e um pouco entortada, torta em alguns pontos da espada.
- Então se é assim pode vir, eu Lawliet acabarei com você.
- Então lá vou eu...


Ver perfil do usuário

10 Re: Fan fics Next Adventure em Dom Jan 26, 2014 9:11 pm

Trevas vs Gelo

Via se dois poderes mágicos incríveis, quando um garoto, de cabelos preto ataca o outro jovem, era Lawliet.
- Dark Slash
Uma enorme energia negra dispersa concentrada na forma de uma lamina de espada é disparada contra o garoto de cabelos branco acinzentado que com dois dedos segura a lâmina.
- Só isso, isso não é nada, você jamais me venceria com um poder tão fraco, vamos lute sério, assim você nunca me venceria.
Ele com dois dedos segurando o golpe, congelando e o quebrando, como se não fosse nada, realmente o poder magico dele era impressionante.
- Vou me lembrar disso, desta vez, Dark Slash, suma do mundo.
Uma energia negra bem mais poderosa que a anterior é disparada contra o oponente de novo, porem o mesmo apenas bloqueia com sua espada, que congela a energia e a quebra.
- Tolo, você continua o mesmo, assim nunca me vencerá, acho que já deve estar na hora de eu atacar e parar de pegar leve.
- Maldito, esta de deboche da minha cara, eu vou lhe transformar em pó.
Inoue não sabia o que dizer na situação dela, era uma situação delicada, no entanto era uma situação que não parecia ameaçadora.
- Lawliet tome cuidado com ele.
- Eu sei Inoue, mas não se preocupe, eu vou vencer ele e logo depois trazer todo mundo de volta ao normal.
- Se é isso que deseja, terás que me vencer, eu não pegarei tão leve assim.
- Eu não terei eu vou lhe vencer.
- Muito bem, dessa vez eu ataco, dispersar.
A espada do jovem, quebra sua lamina congelada que se transforma em ar gelado com pequenas pedras cristalizadas que ficam no ar, como se estivessem flutuando.
- Isso é impossível, esta espada não tem lamina alguma no momento.
- Não é impossível, ele libera um pouco do ar gelado usado na espada e a quebra a lamina transformando a lâmina em pequenas pedrinhas de gelo, que tem pontas pontiagudas, logo o ar gelado cria mais pedras cristalizadas e as misturas com a da espada, dando forma a isso que estamos vendo, é incrível isso.
- Vejo que ainda se lembra disso, ela é a espada perfeita, e junto do meu ataque, ela é invencível, você não detém chances de vitória.
- Pode vir.
- Acho que você sabe que essas pequenas pedrinhas pode atravessar matéria solida bem forte e resistente, comparado a isso é fácil para essa pedrinhas atravessar o corpo humano, assim, atravessando órgãos, os destruindo totalmente os perfurando, assim se acertar pontos vitais como a garganta, coração pulmões, cérebro e outros, a luta acaba.
- Lawliet você não vai conseguir para-lo, é melhor a gente fugir.
- Inoue, eu não fujo não deixarei ninguém ser machucado por minha causa, não fugirei lutarei até o meu fim, sem contar que essa luta não vai machucar ninguém, eu vou detê-lo.
- Bem, é verdade que eu sou o líder da organização das Espadas Sagradas, eu sou o líder dos Demon Slayer, mas eu não me importo em matar vocês dois, isso não é um teste, você não conseguir se defender, quando pegar alguém de poder semelhante ao meu, vocês não conseguirão sair vivo, qual foi a ordem que eu lhe dei, proteger Inoue a todo custo, assim você não vai conseguir proteger ninguém
- E dai, eu não vou me entregar.
Lawliet começa a ficar irritado, ele prepara sua espada para o ataque, colocando muita energia nela.
- Suma, Dark Slash
Dessa vez o Dark Slash sai muita vezes mais poderoso , sai cortando todo o piso do colégio, cortando o colégio ao meio.
- Atacar!
Diz ao outro jovem, disparando as pedras cristalizadas contra o golpe dele, que ao chegar perto a energia dispersa ao redor das pedras, acaba por ficar congelado e o golpe vai contra Lawliet.
- Droga, Balance of Darkness World .
Uma poderosa energia negra surge perante balanço da espada contra o poder do gelo, parando as pedrinhas, as repelindo para longe.
- Balance of Darkness World, você balança sua espada que com a forma forte que ela tem, ela posiciona a energia negra contra uma parte da técnica adversária, quebrando então o ataque, só que ela só funciona contra ataques diretos, pois a mesma ao posicionar essa energia consegue então entrar na técnica do adversário e a repelir, desde que também a mesma detenha energia dispersa ou concentrada, só que...
- Só que..., o que?
Lawliet olha ao seu redor e vê que existe um ar gelado ao seu redor, o ar gelado começa a circular em direção a Lawliet.
- Droga
- Frozen Iceberg.
Lawliet como num piscar de olho, o ar gelado congela em volta dele, o deixando preso num iceberg, no meio da escola.
- Solta ele.
Diz Inoue chorando, quando o jovem percebe que uma poderosa energia surge de Inoue, o deixando espantado.
- Era verdade então, se é isso que você deseja, eu obedecerei.
O Iceberg se quebra, soltando Lawliet que cai mal respirando e não conseguindo mover os braços e pernas.
- Que situação humilhante, eu te fiz chorar Inoue.
- Não fale, isso são coisas que acontece, a gente é amigo, não?
Lawliet fica espantado com aquelas palavras e a expressão no rosto de Inoue, realmente aquelas eram palavras verdadeiras, eram palavras que vinham do coração.
- Sim, nós somos amigos
Inoue abraça Lawliet que se encontrava no chão atirado, realmente existia um laço de amizade verdadeira entre os dois.
- Bem quando eu disse que não era um teste eu menti, e vocês passaram, sintam se felizes vocês foram um dos poucos que passaram no meu teste, pra não dizer que foram os segundos, mas foram os únicos que passaram dessa maneira.
O homem é interrompido pelo diretor que chega no local:
- Acho que seu teste já acabou, todos para suas turmas, você descongele agora mesmo o local aqui.
- Claro.
A escola é descongelada e o chão começa a voltar ao normal, quando o diretor faz com que surja em sua mão uma energia que tinha no centro uma figura em forma de algum símbolo antigo a escola começa se juntar e o chão voltar ao normal, a situação estava resolvida.
Lawliet e Inoue se dirigem a sala de aula.



Ver perfil do usuário

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum